Feeds:
Artigos
Comentários

Posts Tagged ‘Sociologia’

Via GES-FLUP

Anúncios

Read Full Post »

Sobre a Sociologia

interrogacao_mat.jpgPensar num post que apresente a Sociologia, para um blogue em que se quer falar dela e com ela não é tarefa fácil. Pensei em socorrer-me dos livros introdutórios, que lidos depois de uns anos de curso ganham uma nova dimensão e são apreendidos com outra clareza, mas considero mais desafiante o exercício de explanar as minhas próprias noções e concepções sobre esta ciência, solto dos livros e dos manuais que nos dão definições redondas e desenxabidas.

A Sociologia é uma ciência. Porquê? Tem um objecto de estudo, e estuda-o socorrendo-se de métodos, técnicas e teorias, como qualquer outra ciência. Tem um carácter científico que se pauta pelo uso de dados empíricos, e pela objectividade requerida na feitura do conhecimento.

O objecto é a essência da própria Sociologia, e é o que a torna tão particular. O comportamento humano enquanto comportamento social, e o social consubstanciado na figura máxima da “sociedade” constitui-se como o foco de interesse. Mas o que é o social? Para mim, é tudo. O ser humano só adquire as características de humano através da interacção com o outro. É o viver em sociedade que nos cria enquanto pessoas dotadas de determinadas características. Dito isto, a Sociologia preocupa-se em compreender os resultados de todas as dinâmicas sociais, desde as estruturas e a cultura, passando pelos valores e representações sociais, até à acção dos sujeitos e suas interacções mais imediatas.

Os métodos e técnicas ligam-se ao modo de fazer, ou modus operandi da Sociologia. Ao escolhermos um caminho metodológico para uma investigação estamos a fazê-lo em função do nosso objecto e das interrogações que temos sobre ele. O método experimental, vulgar nas ciências exactas, é praticamente inutilizado pela Sociologia. Restam os métodos quantitativo e qualitativo, sendo o primeiro utilizado em estudos sobre grandes populações (com predomínio da análise estatística), e o segundo utilizado em pequenos grupos. Hoje em dia é claro para os sociólogos que não existem fronteiras rígidas entre os dois métodos. Eles complementam-se de forma bastante nítida. As técnicas são os instrumentos de recolha de informação, per se. Elas são escolhidas em função do método, e das necessidades da investigação. Temos os inquéritos por questionário, as entrevistas, a análise documental, e a observação participante, por exemplo. Todas elas servem o propósito de recolher informação passível de análise sociológica, e todas elas têm utilidades diferentes e complementares, assim como um poder de generalização diferenciado.

Por fim, as teorias. Elas são a base de uma investigação, e ao mesmo tempo são o seu resultado. Qualquer autor se baseia no que os outros teóricos fazem, e parte daí para a sua própria investigação. As teorias são a explicitação conceptual da realidade social, são a visão das suas regras, leis, tendências, e dinâmicas. São, no fundo, o que torna inteligível o social, o que o tenta explicar e compreender.

Assim, vemos que a razão de fundo desta ciência é a criação de conhecimento. Nada mais. Por isso, e para já, a minha resposta sobre «o que é a Sociologia?» passará por isto: Conhecimento. Sempre inacabado, sempre mudando e mutando, sempre insuficiente, mas sempre importante.

Read Full Post »

A frente,

Porto

e o verso,

Porto

da página de um livro em que se escreve «sociologia sem palavras».

Read Full Post »

Sociologando

books.jpg Inaugura-se assim mais? um blogue.

O Sociologando será um local de publicação de documentos e textos sobre ciências sociais, e em particular sobre sociologia. Será um saco de treino virtual, onde vou aprender, pesquisar, escrever, partilhar, divulgar, e publicar a sociologia (“a minha” ciência), e explorar “as outras” ciências, os outros discursos, e as várias formas de ler o mundo.

Durante algum tempo adiei a primeira publicação neste blogue, muito por culpa de um perfeccionismo algo preguiçoso e medroso. Queria que estivesse tudo muito alinhado, queria ter objectivos bem definidos, e uma linha editorial rígida. Nada mais contraproducente. Na verdade, este blogue e os seus objectivos vão ser construídos e reformulados ao longo do tempo que aí vem, sem pretensões de qualquer índole. Os leitores, se eles aí andarem, vão perceber o que é o Sociologando.

Read Full Post »